Esmalte

23 Oct 2015

 

No Brasil, principalmente, pintar a unha é um hábito tão comum que parece às vezes uma obrigação feminina. Não é!

Ninguém fica mais "confiável", "elegante", ou "séria" só porque tem a unha feita. Quem te faz confiável, elegante, séria, ou sexy são as atitudes, a forma como falamos, andamos, nos colocomamos na vida. Nada contra o fato de você gostar de ter a unha feita, apenas quero tentar imaginar que a gente pode escolher ter ou não.

 

Mas esse post não é um manifesto contra fazer as unhas. É sim um alerta sobre os ingredientes tóxicos que a maioria dos esmaltes apresentam. Aquele cheiro forte e caracteristico carrega muito ingrediente nocivo. para o pulmão de quem sente o cheiro e também por contato.

 

Os esmaltes de unha assim como conhecemos hoje nasceram junto com a industria... AUTOMOBILISTICA!

Sim, o que usamos nas unhas é muito parecido com tinta para carros (outra utilidade dos esmaltes é pintar superfícies metálicas  lisas como carros, latas, etc...).

 

Estudos recentes feitos pela Universidade Duke e a EWG (ONG que trabalha com meio ambiente) descobriu que o composto TPHP usado para retardador de chama que é usado em esmaltes, foi encontrado na urina de todas as 26 participantes do estudo, em maior quantidade quanto mais recente a unha foi pintada. Sim, eu sei são poucas participantes, mas vejamos... o THPH (triphenyl phosphate) é conhecidamente um disruptor hormonal. Tóxico! Veja mais sobre ele nesse link aqui. Outras pesquisas anteriores, essas com maior numero de pessoas, acharam o componente que é produzido quando nosso corpo metaboliza o TPHP em 95% das pessoas testadas.

 

Ele é listado em 49% das marcas de esmaltes no mercado! Quase metade!

 

Essa pesquisa também testou 10 diferentes marcas de esmaltes para este ingrediente. E o encontrou em 8 delas. E em 2 delas este ingrediente havia sequer sido mencionado! Ops!!!!!

TPHP é usado pra o esmalte durar mais e ficar mais flexível, por isso a porcentagem dele é maior em esmaltes transparentes e bases!

 

E esse não é o único ingrediente tóxico utilizado em esmaltes, e removedores de esmalte.

Parabenos, formaldeídos, toluenos, phtalates (DBP) e muitos outros estão entre eles. Só o cheiro do esmalte pode ser responsável por casos de asma e alergias respiratórias. 

Esmaltes devem ser principalmente evitados em casos de fungos, problemas na unha, gravidez e alergias respiratórias graves.

É importante entendermos o quanto hábitos tão corriqueiros quanto pintar as unhas com muita frequência podem trazer maleficios a longo prazo. Não quero dizer com isso que fazer a unha não é bacana. Eu sei que é uma delícia ver sua mão linda, usar cores bacanas pra levantar o astral. Só quero dizer que não precisamos fazer disso uma obrigação, nem símbolo de coisa nenhuma, porque há, sim, riscos para a saúde. E é imporatante que exerçamos nossa liberdade de escolher quando queremos lançar mão deste recurso, e quando não queremos pagar esse preço.

 

Um beijo pra vocês!

 

(foto: eu, minha mãe e minha filha, sem filtros, sem esmaltes)

 

Para quem quiser ler o estudo e as referências: 

http://www.ewg.org/research/nailed/nail-polish-chemical-doubles-furniture-fire-retardant

 

http://www.dermadoctor.com/blog/nail-polish-ingredients-avoiding-the-toxic-trio/

 

Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Cosmética consciente | consumo consciente | cosmética natural | Sustentabilidade  |  DIY  | cosmética artesanal  |  Slow Cosmetics  | Beleza Sustentável  | Slow Beauty